Acções do Documento

Apresentação

epo.jpg

 

A licenciatura em Ciência Política e Relações Internacionais da FCSH foi criada em 1996, tendo sido incorporada em 1999 no Departamento de História das Ideias. Este tomou a atual designação de Departamento de Estudos Políticos desde fevereiro de 2004.

A oferta letiva do Departamento de Estudos Políticos cobre os três ciclos de estudos:

No 1.º ciclo, que confere o grau de licenciado, há uma estrutura curricular integrada das áreas científicas de Ciência Política e de Relações Internacionais, com disciplinas obrigatórias e de opção (‘condicionada’ e ‘livre’), sendo aconselhado aos estudantes um percurso escolar.

No 2.º ciclo, que confere o grau de mestre em Ciência Política e Relações Internacionais, existem cinco áreas de especialização:

    • Ciência Política;
    • Estudos Europeus;
    • Estudos Políticos de Área;
    • Globalização e Ambiente;
    • Relações Internacionais.

No 3.º ciclo, que confere o grau de doutor, são oferecidos, autonomamente, dois cursos:

(i) O Doutoramento em Ciência Política, com quatro especialidades:

    • Elites e Comportamentos Políticos;
    • Instituições e Processos Políticos;
    • Políticas Públicas;
    • Teoria e Análise Política.

(ii) O Doutoramento em Relações Internacionais, também com quatro especialidades:

    • Estudos de Segurança e Estratégia;
    • Estudos Políticos de Área;
    • Globalização e Ambiente;
    • História e Teoria das Relações Internacionais.

 

O Departamento acolhe ainda, por um período de cinco anos, um curso interdisciplinar financiado pela Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT), o Programa de Doutoramento em Estudos sobre a Globalização.

Ao longo dos anos, o Departamento tem-se afirmado como uma das principais referências nacionais no ensino e na investigação nos domínios da Ciência Política e das Relações Internacionais, e tem vindo a prosseguir com êxito uma política de internacionalização do seu corpo docente e discente (em particular, ao nível do doutoramento).

O pluralismo teórico e metodológico, a abertura ao debate e ao pensamento crítico, a exigência de rigor e o incentivo à inovação,  e o enriquecedor convívio com outros saberes disciplinares, potenciando as oportunidades decorrentes da inserção institucional numa Faculdade de Ciências Sociais e Humanas, são traços salientes do perfil académico dos cursos oferecidos pelo Departamento de Estudos Políticos.

Topo da Página