Acções do Documento

Anabela Pedroso soma Informática à História na última Masterclass

“Os caminhos da História na Inovação nas TIC em Portugal. A minha história” é o tema da aula de Secretária de Estado da Justiça. Dia 29 de novembro, às 18h no Auditório 1.

Anabela Pedroso, Secretária de Estado da Justiça e antiga aluna do Departamento de História da NOVA FCSH, é a personalidade que encerra o ciclo 40 Anos. 40 Masterclasses com que a Faculdade assinala o seu aniversário. O evento, de entrada livre, terá lugar no dia 29 de novembro, às 18h, no Auditório 1.

Na aula aberta, com cerca de uma hora de duração, Anabela Pedroso vai explicar que sempre olhou “para o passado para saber como aproveitar o futuro” para justificar o tema da sua comunicação: “Os caminhos da História na Inovação nas TIC em Portugal. A minha história”.

Tal como título indica, a Secretária de Estado vai contar como “começou por se inovar a si mesma” para contrariar “toda a gente que dizia que não fazia sentido seguir uma carreira que nada tinha a ver com o que aprendi” na NOVA FCSH, onde terminou uma licenciatura em História na década de 80. Uma carreira de sucesso e algumas décadas depois não lhe deixaram dúvidas de que, “se fizesse tudo de novo, era por onde começava” outra vez”.

Anabela Pedroso foi Adjunta do Secretário de Estado da Administração Pública (2009-2010); Presidente da Agência para a Modernização Administrativa (2007-2009); Coordenadora na Equipa de Missão e depois Vogal do Conselho Diretivo da UMIC - Agência para a Sociedade do Conhecimento (2003-2006); Secretária-Geral Adjunta do Ministério das Finanças (2001-2003); elemento da equipa de missão e depois Vogal do Conselho Diretivo do IGLC - Instituto para Gestão das Lojas do Cidadão (1998-2001).

Liderou projetos de grande interesse público, como as Lojas do Cidadão de 1ª geração (componente tecnológica), PAC - Postos de Atendimento ao Cidadão, Portal do Cidadão, Portal da Empresa, Criação de Empresa online, Lojas do Cidadão de 2ª Geração, Cartão de Cidadão e Plataforma de Interoperabilidade da Administração Pública, tendo sido responsável pela elaboração do Plano de Ação para o Governo Eletrónico em Portugal (2003).

Foi perita internacional convidada da OCDE/SIGMA para as áreas de Modernização Administrativa e Inovação (2006-2010).

Em 2009, recebeu o Prémio Best Leader Award, na categoria Administração Pública.

2018-11-27 16:50
Topo da Página
classificado em: