Acções do Documento

Antigos alunos da NOVA FCSH vencem no 'Prémio Autores 2018'

Rodrigo Guedes de Carvalho, Sandra Felgueiras e José Luís Peixoto, antigos alunos da NOVA FCSH, venceram nos prémios da Sociedade Portuguesa de Autores.

A atribuição, esta terça-feira (20), do Prémio Autores 2018, da responsabilidade da Sociedade Portuguesa de Autores (SPA), trouxe prémios para três antigos alunos da NOVA FCSH.

As distinções recebidas dividiram-se pela Literatura, Televisão e Música. Rodrigo Guedes de Carvalho, que recentemente esteve na Faculdade no âmbito dos 40 Anos, 40 Masterclasses a falar sobre jornalismo, foi o primeiro antigo aluno a vencer e conquistou o prémio de Melhor Livro de Ficção Narrativa, atribuído a O Pianista do Hotel.

Sandra Felgueiras, por sua vez, triunfou nos prémios de televisão, ao receber o galardão de Melhor Programa de Informação para o formato Sexta às 9, transmitido semanalmente pela RTP1. A jornalista, que coordena o programa de jornalismo de investigação, é licenciada em Ciências da Comunicação pela NOVA FCSH e acabou por também se distinguir, na gala da SPA, por um discurso em que contestou a precariedade na estação pública.

Mais reconhecido pela sua carreira como autor literário, José Luís Peixoto, formado em Línguas, Literaturas e Culturas pela NOVA FCSH, triunfou esta noite como autor de Agora Muda Tudo, que foi considerado o Melhor Trabalho de Música Erudita pelos jurados do Prémio Autores 2018.

Este prémio, da responsabilidade da SPA, foi transmitido em direto pela RTP2 e tem como objetivo distinguir "os mais importantes autores e obras que marcaram intensamente a vida cultural e artística portuguesa". De acordo com a organização, "os autores e obras escolhidos foram seleccionados durante meses por júris especializados".

2018-03-23 11:40
Topo da Página