Acções do Documento

CETAPS homenageia Ursula K. Le Guin

Teresa Botelho e Luís Filipe recordam numa mesa redonda a autora de obras como “Wizard of Earthsea”. Aberto ao público, o encontro tem lugar no dia 7 de novembro, no auditório 1.

Na sequência do recente falecimento escritora Ursula K. Le Guin, Teresa Botelho, docente do Departamento de Línguas, Literaturas e Culturas, e Luís Filipe Silva, ficcionista, vão reunir-se numa mesa redonda para recordar o legado da autora norte-americana. O evento, que terá lugar no dia 7 de novembro às 18h30 no auditório 1, terá como tema "’Only in silence, the word’: o legado fantástico de Ursula K. Le Guin” e pretende recordar obras como “A Wizard of Earthsea”, “The Left Hand of Darkness” ou “The Dispossessed”.

Nascida em Portland e falecida a 22 de janeiro deste ano, a autora somou mais de cinquenta anos de carreira literária, durante os quais publicou mais de cem obras entre romances, contos ou poemas. Focando a sua preferência na ficção, a maioria do seu legado refere mundos alternativos onde se abordam questões complexas ligadas a áreas tão diversas como a política, filosofia, psicologia, etnografia, biologia, religião, antropologia, sexualidade, entre outras.

Teresa Botelho, doutorada pela Universidade de Cambridge, leciona na NOVA FCSH unidades curriculares na área científica dos Estudos Norte-Americanos. De entre os seus interesses destacam-se as utopias e distopias tecnológicas, o pós-humano, a literatura norte-americana, a teoria da identidade, a cultura visual e cinema, a relação estabelecida entre literatura e ciência e, por fim, as representações literárias e visuais do 11 de Setembro.

Luís Filipe Silva é um autor português de ficção científica. Entre as suas obras publicadas contam-se “O Futuro à Janela” (Prémio Caminho de Ficção Científica), “Terrarium - Um Romance em Mosaicos” (com João Barreiros), além de vários contos, críticas e artigos em publicações portuguesas, brasileiras e internacionais. Como antologista, organizou “Vaporpunk - Relatos Steampunk Publicados sob as Ordens de Suas Majestades” (com Gerson Lodi-Ribeiro) e “Os Anos de Ouro da Pulp Fiction Portuguesa” (com Luís Corte Real).

2018-10-25 16:07
Topo da Página