Acções do Documento

Intertextuality in Music since 1900

6 e 7 de março – O conceito de intertextualidade na sua aplicação aos estudos musicais é tema de conferência internacional. A organização é do CESEM e da Universität Innsbruck.

A partir da análise de repertórios e estilos dos séculos XX e XXI, incluindo a música erudita, a música teatral e de cinema, a música popular e o impacto dos novos media, a conferência internacional interdisciplinar “Intertextuality in Music since 1900” tem como objetivo abordar o conceito de intertextualidade na sua aplicação aos estudos musicais. Serão contemplados em particular os aspectos teóricos da noção de intertextualidade musical e exploradas diversas metodologias de investigação neste domínio de estudos, atualmente em plena expansão.

Organizado pelo Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical (CESEM), unidade de investigação da FCSH/NOVA, e pela Universität Innsbruck, na Áustria, este importante evento musicológico internacional conta, na qualidade de oradores convidados, com Nicholas Cook (Faculty of Music, University of Cambridge), Julian Johnson (Royal Holloway, University of London) e Lawrence Kramer (Fordham University, New York). Adicionalmente participam também 42 oradores provenientes dos mais variados países da Europa, Estados Unidos, Canadá, Brasil, entre outros.

Entrada livre para membros da FCSH/NOVA.

Horários das sessões:

  • 6 de março: sessão de abertura às 9h30, no auditório 1, com presença de Francisco Caramelo (Subdiretor da FCSH/NOVA). O restante programa decorre das 11h30 às 19h nas salas multiusos 2 e 3 do Ed. I&D
  • 7 de março as sessões decorrem das 9h às 19h nos auditórios 1 e 2 da Torre B.

Informações adicionais do website do evento

2015-03-03 15:20
Topo da Página
classificado em: