Acções do Documento

Docentes jubilados distinguidos pelo seu contributo à ciência

Fernando Rosas e Raquel Soeiro de Brito entre as 17 personalidades homenageadas pelo Governo com a Medalha de Mérito Científico.

Manuel Heitor, Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, distinguiu Fernando Rosas e Raquel Soeiro de Brito, docentes jubilados da NOVA FCSH, com Medalhas de Mérito Científico. A homenagem teve lugar durante a abertura do último Encontro Nacional com a Ciência e a Tecnologia, o Ciência 2017, e incluiu um lote de 17 personalidades portuguesas e estrangeiras.

A Medalha de Mérito Científico distingue personalidades que tenham contribuído para o desenvolvimento da ciência ou da cultura científica em Portugal.

Fernando Rosas ingressou, em 1986, como docente na NOVA FCSH enquanto assistente convidado do Departamento de História. Jubilou-se, na qualidade de professor catedrático, em 2016. Na Faculdade exerceu também o cargo de Presidente do Instituto de História Contemporânea.

Raquel Soeiro de Brito foi vogal da Comissão Instaladora da NOVA FCSH em 1977. Logo exerceu a docência na Faculdade logo como catedrática do Departamento de Geografia, o qual fundou. Jubilou-se em 1995.

Entre as outras individualidades distinguidas pelo Governo contam-se Rui Nabeiro, fundador da empresa Delta Cafés, Francisco Carvalho Guerra, bioquímico da Universidade do Porto, Diamantino Durão, presidente do Instituto Superior Técnico entre 1984 a 2000 ou Mário Ruivo (a título póstumo), oceanógrafo pioneiro na governação internacional dos oceanos.

2017-07-13 16:20
Topo da Página
classificado em: ,