Acções do Documento

Estudante Internacional: Aberta segunda fase de candidaturas

19 de novembro a 14 de dezembro - Candidaturas a licenciaturas para alunos estrangeiros não residentes em Portugal e sem cidadania de um Estado-membro da União Europeia.

Está aberta, até 14 de dezembro, a segunda fase de candidaturas às licenciaturas ao abrigo do Estatuto do Estudante Internacional, que prevê o acesso ao Ensino Superior a estudantes de nacionalidades fora da União Europeia, que não residam em Portugal há mais de dois anos e que não sejam bolseiros de países africanos de língua portuguesa.

Estas candidaturas destinam-se a alunos que desejem ingressar no 1.º ano ou que tenham iniciado os seus estudos ao nível da licenciatura noutra instituição de ensino superior. Este concurso tem vagas próprias, que podem ser consultadas no site oficial da NOVA FCSH.

A candidatura é feita online,

através da Plataforma de Candidaturas online, mediante apresentação dos seguintes documentos:

a) Passaporte;

b) Comprovativo da conclusão do ensino secundário português ou equivalente ou documento comprovativo da conclusão do Ensino Médio ou de outra habilitação de acesso ao ensino superior no país de origem, validado pelas entidades oficiais (Ex.: Consulado de Portugal, no estrangeiro, ou Direção-Geral do Ensino Superior, em Portugal), com menção à classificação final;

c) Carta de motivação, redigida em língua portuguesa, onde se expõem as razões para ingressar num curso de licenciatura da NOVA FCSH;

d) Declaração de honra;

e) i. Comprovativo de proficiência em língua portuguesa, nível mínimo B2, de acordo com o Quadro Europeu Comum de Referência para as Línguas (QECR).

ii. Estão dispensados da apresentação deste documento os seguintes casos:

- Os candidatos nacionais de países cuja língua oficial seja o português, bem como os titulares de diploma do ensino secundário (ou equivalente) obtido em países de língua oficial portuguesa;

- Os candidatos que tenham concluído o ensino secundário (ou equivalente) em Portugal ou em escola que ministre o ensino em português.

Mais informações na página Estudante Internacional.

2018-11-27 13:30
Topo da Página