Acções do Documento

Falecimento de Thierry Dias Coelho

A NOVA FCSH lamenta profundamente o desaparecimento de um dos seus docentes.

 

Thierry Dias Coelho (1975-2017), doutorando e docente convidado da NOVA FCSH, faleceu vítima de doença prolongada. Diplomado em Direito pela Universidade de Paris I, Panthéon-Sorbonne (1998), ingressou anos mais tarde no curso de licenciatura em Ciência Política e Relações Internacionais da NOVA FCSH, que concluiu em 2010 com a classificação final de 19 valores e lhe valeu a atribuição do Prémio de Mérito e Excelência.

Inscreveu-se de seguida no programa de doutoramento em Ciência Política, onde trabalhou sob a orientação de Pedro Tavares de Almeida, docente do Departamento de Estudos Políticos desta Faculdade, tendo beneficiado de uma bolsa da FCT (2011-2014). Nesse âmbito, foi investigador visitante no Instituto Universitário Europeu de Florença, sob a supervisão da docente Donatella Della Porta, e na Universidade Corvinus de Budapeste, com a orientação da docente Gabriella Ilonszki. Apresentou comunicações em inúmeros eventos científicos, tanto nacionais como internacionais. Publicou vários textos em coautoria, sendo de destacar, pela sua grande difusão, o artigo “Mapping Political Research in Portugal”, escrito em parceria com os seus colegas João Cancela e João Pedro Ruivo, e dado à estampa em 2014 na prestigiada revista European Political Science.

Baseada numa extensa e original pesquisa empírica, tinha em curso de elaboração a sua tese de doutoramento, aguardada com enorme expetativa, e sugestivamente intitulada ‘Vice in the Garden of Virtues’. Elites, Corruption and Democracy: Portugal in a Comparative Perspective, 1995-2010, que infelizmente, por motivos de saúde, não pôde concluir. Membro ativo, desde a sua fundação, da associação cívica Transparência e Integridade, nos últimos anos foi docente convidado da NOVA FCSH, assegurando nomeadamente a regência das unidades curriculares “França no século XX” e “Sociologia Política”.

Inteligente, culto, rigoroso, pautando o seu trabalho por elevados critérios de exigência, Thierry Dias Coelho primou pela excelência académica, mas não só. Segundo Pedro Tavares de Almeida, “todos aqueles que tiveram o privilégio de conviver com ele, puderam apreciar a sua afabilidade, generosidade e elegância de trato. A sua partida deixa, por isso, uma indelével saudade.”.

O velório terá lugar hoje, 21 de agosto, a partir das 18h00, na Igreja de S. João de Deus, à Praça de Londres. Amanhã, 22 de agosto, será celebrada missa às 10h30, seguindo-se o funeral no Cemitério dos Olivais.

A todos quantos sentem a sua perda, os nossos votos de pesar.

2017-08-21 15:05
Topo da Página
classificado em: