Acções do Documento

Seminário: "A cidade e o seu pão em tempo de escassez cerealífera"

20 de fevereiro - A carência de bens alimentares fundamentais durante a Idade Média, nomeadamente o pão, é tema de um encontro promovido pelo Instituto de Estudos Medievais.

Sendo o pão, na Idade Média, o alimento que todos consideravam imprescindível, a sua falta provocava transtornos da mais variada ordem. Tendo como oradora Iria Gonçalves, investigadora do Instituto de Estudos Medievais, o seminário "A cidade e o seu pão em tempo de escassez cerealífera" aborda os resultados da sua escassez, nomeadamente desenvolvimento de esforços de todo o género na procura do cereal, à deterioração da qualidade alimentar de grande parte da população, à subida em flecha dos preços e consequente desregulação dos mercados, à debilitação orgânica das camadas de população mais carenciadas e, por último, à morte.

Licenciada em Ciências Histórico-Filosóficas pela Universidade de Lisboa, Iria Gonçalves doutorou-se em História Medieval pela FCSH/NOVA, onde lecionou até à sua jubilação em 2003. É especialista de temáticas relacionadas à organização do espaço, a alimentação, a antroponímia e a fiscalidade. Entre as suas publicações constam, como mais importantes: "As finanças Municipais no Porto na segunda metade do século XV", Porto, 1987; "Imagens do mundo medieval", Lisboa, 1993; "O Património do mosteiro de Alcobaça nos séculos XIV e XV", Lisboa, 1989 e "Um olhar sobre a cidade medieval", Cascais, 1996.

O seminário terá lugar no Auditório 1 da Torre B, às 17h do dia 20 de fevereiro.

A entrada é livre.

2017-02-17 14:45
Topo da Página
classificado em: